Resenha: Pacto Secreto

Autora: Eliane Quintella
Editora: Novos Talentos - Novo Século
Ano: 2011
Número de páginas: 357
Flores de Lótus: 4.0
Sinopse: 
''Três regras haviam sido reveladas à Valentina. Mas, Valentina não sabia se existiriam outras regras que lhe teriam sido ocultadas. Ela tinha certo em seu coração que precisava ter seu pedido atendido. Era o que havia de mais importante para ela. Ela precisava decidir se assinaria ou não o pacto. É a pergunta que não se cala.Será que Valentina deveria assinar o pacto sem ter certeza do que estava em jogo? O que realmente assumiria, se assinasse? E você, assinaria o pacto? Em troca, teria o que você pedisse. Poderia ser qualquer coisa…''



O que eu achei ao Todo:

Oi gente, faz tempo que eu não faço resenha mas dessa vez eu voltei! rsrs
Vamos lá, conheci o livro através do Lucas que me apresentou e perguntou se eu gostava. Li a sinopse do livro e AMEI! Super interessante e achei logo que a história iria me surpreender então resolvi ler o livro para matar minha curiosidade. E o resultado GOSTEI BASTANTE DO LIVRO! HEHE

Vamos a resenha!!!

Resenha:

   O livro narra a história de uma jovem bonita e rica, que se chama Valentina.  Ela tinha todos os atributos que qualquer mulher de 28 anos desejaria para ser feliz. Tina tem uma irmã gêmea chamada Sara e como todas gêmeas elas sempre trocavam de lugar para enganar os pais. Mas um dia essa troca resultaria num acidente que mudaria a vida de todos para sempre.
   Nesse acidente Sara acaba ficando tetraplégica para o resto de sua vida e Tina - minha personagem preferida, tipo de mulher com garra que eu adoro - se culparia pelo acidente de sua irmã. O relacionamento da Tina com sua mãe é tocante - em momentos me vi quase que chorando -  esta, sofrendo vendo sua filha incapacitada. O que fazia com que Tina se sentisse pior.
''Como poderia suportar essa dor e essa culpa? Não conseguiria viver daquele jeito, chorava copiosamente tentando arrancar meus cabelos com as mãos. Sim, sim, sim, eu era culpada por minha irmã vegetar numa cadeira de rodas o dia inteiro. Eu era a assassina fracassada que havia paralisado minha irmã para sempre, a irma que eu amava, que era como eu. Eu fiz minha irmã se tornar tetraplégica eu merecia ir para o inferno.''

Doeu até em mim gente - coitada da Tina.
 Desesperada com a situação que sua irmã se encontra, ela decide rezar para que Deus cure sua irmã - essa foi a única forma que ela achou para poder tentar resolver a situação de sua pobre irmã. Porém nada acontece e o milagre tão sonhado não veio. Então desiludida e num ato de total desespero, pede ajuda ao Diabo - medo - e por incrível que parece seu pedido foi prontamente atendido.


''Quero ajuda!!! Deus me ajude!!! Alguém me ajude!!! Não importa quem. Pode ser até o diabo. Venha, diabo, venha até mim. Venha!!!
Satan manda um enviado - Charmoso, sedutor e um encantador homem - para convencer Tina a assinar o contrato do pacto para salvar Sara. Mas como a heroína - sim, heroína! Mas tem que ler o livro para descobrir... rsrs - é cabeça dura, não cede aos apelos deste. Ela resolve pensar um pouco sobre o assunto para saber o que fazer. Tina resolve investigar a fundo os fatos que vem acontecendo e começa a desconfiar até de seus mais próximos.

***

Resumindo minha opinião sobre o livro: Achei a história super impactante, porém acho que a autora exagerou em algumas partes usando muito de pensamentos e falas repetitivas, o que tornou o leitura um pouco maçante - mas não é no livro todo, como disse em algumas partes.A narrativa da autora e ÓTIMA! Li o livro bem rapidinho e acho que ela escreve muito bem.O livro se envolve num drama, espiritualismo muito forte e ela mantem seu objetivo do começo ao fim.

O final do livro me decepcionou um pouco, achei que poderia ter mais ação e mais surpreendente. Faltou alguns detalhes, porém o Lucas me disse que teria um segundo volume, então está mega explicado o porque! Fiz uma viagem emocionante ao ler esse livro que foi uma história cheia de revira voltas e diferente de tudo que eu já li na vida!


*Obrigado a autora que mandou um exemplar para resenha, autografado e com muito carinho. Nos do ''Apanhador de livros'' agradecemos muito! :)